Você tá o quÊ?

Não sei como foi a sua história, mas eu sempre quis ser mãe.
Namorei.
Casei.
Passou alguns meses e chegou 1° de abril. Sim, eu fui aquela criatura insólita que ligou pra mãe e pra sogra e contou da gravidez ainda inexistente pra elas pularem de felicidade e depois me xingarem! kkk
Mas logo logo foi de verdade. E claro que quando eu contei ninguém acreditou (sabe aquela história da menina q gritava “lobo” na floresta e no final ninguém acreditava nela? sou eu.)
Mas enfim, quando finalmente chegou meu primeiro teste positivo…

Primeira gravidez:

eu:
200 (3)
Tem gente que faz uns anúncios muito chiques hoje em dia, como a galera do potencial gestante (love it!) mas eu fui pobre old fashion e usei o telefone pra avisar a galera mesmo.

reação da galera:
200 (6)

segunda gravidez:

eu:
200 (4)
e a galera: “ok, tomara que seja menina né? assim você fica com um casal!”
a galera tenta, mas não consegue disfarçar o desespero!
200 (10)
você não sabe se as lágrimas são de alegria ou o quê?!
Falaram que era porque estava bem pertinho (o intervalo entre os partos foi de 1 ano e 9 meses), mas já vi reação parecida em mães que esperam3 ou 4 anos, ou mais… a galera faz caras de “ahh não, vai começar todo o trabalho de novo…”
Conclusão: você nunca consegue agradar todo mundo! Seja feliz pra você mesma!
E pra galera que torcia por um casa, eu simplesmente respondia que se não vier um casal eu tento de novo, sem problemas, quem sabe na próxima?!
200 (3)
não sei o que tem demais ter dois filhos gente… aliás, pergunta pra galera que tá aí achando que é muito, quantos filhos você teve mesmo? ahh pois é…
mas a vida continua, os meses passam e a fofurice do primeiro cresce na mesma proporção que sua nova barriga! até que um belo dia…

terceira gravidez:

eu, já sem coragem de ouvir as caras e bocas:
200 (2)
Claro que por dentro tô pulando de alegria, afinal sempre quis ter família grande, mas tem gente que realmente dá preguiça de contar. Você já sabe a careta, o sermão que vai vir… mas, já que um dia a galera vai se deparar com mais um barrigão inexplicável você acha melhor contar logo.
e a galera:
200 (8)
até parece que a tia Cocota lá no Pará também não teve 3 filhos, ou 4 ou 5… mas ainda assim, caras de desaprovação são distribuídas à vontade.
200 (11)
e quando estranhos no supermercado vêem que você tá grávida e depois é que vêem que você já tem dois filhos no carrinho:
200 (7)
a galera surta:
200
Agora vem cá, depois de três gravidezes (sim é feio mas é assim que fala, eu chequei) aprendi uma valiosa lição. Tem certas pessoas que simplesmente não valem a pena. não vale meu desgaste, não vale minha preocupação. Não vale as noites mal-dormidas remoendo as palavras ditas ou não ditas. Acredite – você terá muitas noites mal-dormidas por outro motivo bem mais rechonchudo e lindo do que a senhorinha do supermercado.
Então desencana e vai ser feliz que isso é a melhor coisa que a gente pode fazer. Sempre vai ter algum doido que vai achar que você estar grávida pela décima oitava vez é uma coisa linda de Deus! Esquece a opinião dos outros. Foca nessa pessoa! kkk
Provavelmente essa criatura tem 19 filhos. kkkk
Caso você não ache ninguém, nenhuma alma viva pra te congratular devidamente pela segunda, terceira ou quarta gravidez (ou 18a), liga pra mim! Juro que vou pular de alegria!!!
200 (5)
Ainda não sei como será a reação da galera ao contar a quarta gravidez (acho que metade vai cair dura…), mas um dia eu chego lá! Só pra compartilhar porque achei lindo olha esse anúncio de 4a aqui!!! Bem isso!
E você, como foi anunciar a sua gravidez? Sentiu muita diferença na reação da galera? Conta pra mim aqui embaixo nos comentários, vou adorar saber como foi sua experiência!!
Enfim, hoje em dia, colocar a galera pra dormir lá em casa é meio assim:
200 (9)
E estamos cansados felizes da vida!
Obrigada. De nada.