Histórias de Empreendedorismo Materno: Izaura Pimenta

E continuando nossa sessão de posts sobre empreendedorismo materno hoje é dia da Izê da Bahia, cheia de energia, 37 aninhos e mãe da Catarina de 16 meses. Ela é a diva por trás da BabyGrude!
A BabyGrude fabrica slings com tecido 100% algodão, fabricado totalmente no Brasil, e além de ser um empreendimento materno, a moça é mesmo a entendida dos paranauê! Ela sofreu muito com dores na coluna quando usava o sling após o nascimento de Catarina, pesquisou bastaaaaante e hoje em dia ajuda mães a não sofrerem do mesmo mal!
“O carregador fisiológico é pensado em cuidar da coluna de quem é carregado e de quem carrega. O bebê, que terá sua postura natural mantida, graças a ergonomia do porta bebê indicado para sua idade. O carregador, com ajustes finos garantirá a posição fisiológica do bebê e a sua. Assim, um carregador bem instalado, com o tecido bem posicionado nos ombros e distribuído nas costas ajuda ao carregador manter coluna reta, bacia encaixada e centro de gravidade no eixo correto. Se você tem dores ao carregar, algo não está correto. Talvez o sling esteja posicionado alto demais ou baixo demais… entre em contato conosco, poderemos ajudá-la!”

Ela também incentiva e empodera pais a usarem o sling: “O pai pode e deve carregar o bebê no sling. Assim ele deixa a mãe descansar, ajuda o bebê a se integrar com os membros da família além de oferecer ao bebê outro apoio, colo e demandas de contato. Não podemos esquecer o fato de que carregar seu filho empodera a paternidade além de fortalecer o casal.

É ou não é uma diva slingadora? Izaura, agora solta o verbo e partilha a sua história!

Carregar um bebê deveria ser como um abraço em quem amamos.

 

Por que slingar?
Bebês inevitavelmente serão carregados. Podemos carregá-los em nossos braços, ou usar um ‘facilitar de colo’, como o sling. Esse, usado de forma ergonômica, traz benefícios para quem carrega e para quem é carregado.
Seguem alguns:
– um sling bem instalado, com o tecido bem posicionado nos ombros e distribuído nas costas ajuda ao carregador manter coluna reta, bacia encaixada e centro de gravidade no eixo correto e por consequência uma boa distribuição do peso do bebê.
– aliviam o incômodo das cólicas e refluxos
– fortalece o vínculo entre mãe/ pai e o bebê
– o carregador fica com as mãos livres para realizar outras atividades
– favorece a amamentação
– bebês carregados no sling choram 54% menos a noite e 43% menos durante o dia 
– estimula o equilíbrio da criança
– melhora o ponto de vista da criança em relação ao mundo (nos carrinhos enxergam na altura dos joelho)
 
Qual a maior dificuldade que enfrentou ou enfrenta na maternidade? O encontro comigo
Qual a maior dificuldade que enfrentou ou enfrenta no empreendedorismo? A falta conhecimento técnico
Como o empreendedorismo surgiu na sua vida? Ainda estava muito confuso, agora aparece mais claro: fuga do encontro comigo
Qual o seu grande aprendizado desde que se tornou mãe empreendedora? Saber priorizar
Qual dica você daria para mães que estão começando agora a empreender? Foca no sebrae!!! 

Izê, obrigada pela oportunidade de divulgar sua história e seus produtos!

Para adquirir um dos slings maravilhosos da BabyGrude, ou colares de âmbar certificados (que ela também vende), entre em contato:

Instagram, FaceBook, Youtube: BabyGrude
61-986-429-004
falecom@babygrude.com