Histórias de Empreendedorismo Materno: Jéssica Gomes de Andrade

Hoje temos aqui a história da Jéssica Gomes de Andrade, 32 anos, mãe da Allana e educadora financeira de mães na empresa Riqueza de Mãe. Conheci a Jéssica num evento presencial de mães empreendedoras e sua energia é contagiante! Ela ajuda mães a ter uma vida financeira mais saudável e equilibrada com o Riqueza de Mãe!
Com a palavra, Jéssica:
A chegada da Allana foi um divisor de águas na minha vida, antes dela nascer cheguei até a ficar doente por conta de ser super ativa, tive que fazer terapia, acupuntura, minha asma se intensificou, eu não conseguia relaxar, tudo por causa da ansiedade e falta de tempo que eu me proporcionava.

Foi aí que percebi o quanto de mal eu estava fazendo a mim mesma, sempre tinha compromissos e só pensava em trabalho e carreira.

Acho que Deus a mandou para me fazer ser uma pessoa melhor, para abrir os meus olhos, me fazer parar para pensar no que eu estava fazendo com a minha vida e começar a descobrir qual era o meu propósito.
 
Nos primeiros meses de vida da Allana eu já comecei a me desesperar só de pensar em voltar para a vida que eu tinha antes e que agora eu a deixaria o dia todo e só teria cerca de 2 horas ao dia para vê-la, só de imaginar essa situação eu já ficava com falta de ar. Sabe aquela expressão de quando nasce um filho, nasce uma mãe? Foi exatamente o que aconteceu comigo, eu virei uma mãe leoa, queria fazer tudo perfeito pra ela, ficava lendo, pesquisando tudo e tentava reproduzir da melhor maneira possível, achava que somente eu poderia fazer do jeitinho que ela precisava… Meus valores mudaram completamente, já que nunca tinha me visto nessa situação, sempre achei que assim que precisasse eu já iria colocá-la na escola e tudo bem, mas não foi isso que aconteceu. E foi assim comigo, a pessoa mais desapegada do mundo de sonhos com filhos e idealizações para eles, se viu numa situação de completo apego, um apego que doía de ficar longe dela a qualquer momento…

Nada mais era tão importante pra mim, quanto ficar junto dela…

Não sei se todas as mães que tem uma carreira profissional passam por isso, eu tentava me manter firme e forte no início da licença maternidade e tentava me convencer de que eu ainda teria um período grande pra pensar no que fazer, que eu tinha os 4 meses de licença, mais um de férias pra decidir o que seria melhor pra ela e achava que eu teria alguma ideia, que algo surgiria pra me dar uma luz e que eu descobriria uma forma de trabalhar menos horas por dia pra poder ter tempo pra ela também… porque eu não conseguia também pensar na ideia de não trabalhar mais, pois isso era muito importante pra mim, tudo que eu tinha conquistado não poderia ser simplesmente abandonado de uma hora pra outra, mas esse tempo todo passou voando e de repente eu me vi naquela angústia de decidir se iria voltar a trabalhar, se iria mudar de emprego, eu simplesmente não sabia o que fazer e isso me deixou muito mal na época, aquela sensação de estar perdida. E posso dizer que a maior dificuldade que enfrento na maternidade hoje é essa, de querer fazer tudo, de conciliar carreira, casa, maternidade e como essa última demanda tempo, dedicação e todo o nosso amor, posso afirmar que é a função mais gratificante e mais exaustiva também.
A maior dificuldade que enfrento no empreendedorismo é ter a coragem de começar do zero, ter persistência para insistir no que se acredita e ficar por um tempo sem a remuneração que estava acostumada antes. E também ter muita disciplina e organização para continuar, já que como empreendedora não há mais aquela data fixa para os pagamentos, sabe, dia 05 e dia 20 e se a gente não correr atrás, nada vai cair no nosso colo, precisa ser determinada.

Se a gente não correr atrás, nada vai cair no nosso colo

Amo me conectar com pessoas, já tenho um canal no Youtube onde posto vídeos do nosso dia a dia com dicas para mães e o blog prestimosos, que comecei a escrever desde 2011, mas que nunca consegui manter uma regularidade nas postagens devido a correria que eu vivia, agora está tudo sendo reformulado para o projeto “Riqueza de Mãe”, tudo novinho em folha. E foi quando a Melodia Moreno curtiu uma foto minha no Instagram, que eu conheci a AME (Academia de Mães Empreendedoras) e Deus nos conectou para que eu despertasse para o que eu poderia fazer de melhor.
Desde que me tornei mãe empreendedora, meu maior aprendizado foi dar valor ao que realmente tem valor na minha vida, pois antes da maternidade eu só valorizava carreira, sucesso e agora não, eu consigo valorizar muito mais as coisas simples da vida, minha filha me ensina isso o tempo todo e quero cada dia mais aprender e viver isso com ela…
Qual dica você daria para mães que estão começando agora a empreender?
Que seja muito persistente e confiante, que acredite em seus sonhos! Pensamento positivo só atrai coisas positivas e esse tem sido meu lema: Eu quero, eu posso, eu consigo!
Jéssica, muito obrigada pela oportunidade de divulgar sua história aqui! Um grande beijo, gratidão e sucesso!!!
Pra entrar em contato com a Jéssica:
Instagram @riquezademae
Facebook: riquezademae
e-mail: jedeandrade@gmail.com
Canal no Youtube: Riqueza de Mãe por Jéssica Andrade